UPE e CREA-PE assinam acordo de cooperação técnica para capacitar estudantes de engenharia em habitação popular

Estudantes de engenharia da Escola Politécnica da Universidade de Pernambuco (Poli/UPE) irão atuar em cinco comunidades do Recife na capacitação de moradores para a construção de habitações seguindo normas técnicas e usando tecnologias de baixo custo.

A ação extensionista integra o acordo de cooperação técnica assinado na tarde desta quarta-feira (13) entre a Universidade de Pernambuco e o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA-PE).

O acordo também estabelece a elaboração de um curso de especialização lato sensu em Assistência Técnica em Habitação de Interesse Social e uma residência com o mesmo nome para incentivar os engenheiros recém-formados a ter contato com a realidade e os desafios das populações mais carentes.

Com vigência até dezembro de 2023, a parceria vai possibilitar a capacitação de estudantes de engenharia no mercado de clientes de baixa renda, dentro do projeto de extensão da Poli/UPE batizado de Habite Melhor - Assistência Técnica à Habitação.

Ao todo, dez estudantes da Poli, supervisionados por professores da UPE e por profissionais indicados pelo CREA-PE, receberão bolsa pelo período de 12 meses para trabalhar nas cinco comunidades escolhidas.

O grupo ficará encarregado de preparar palestras para moradores sobre temas como educação cidadã e experiências em habitação popular, além de capacitar interessados em atuar no sistema de mutirão depois de cursos de formação de pedreiro, carpinteiro, eletricista e encanador.

De acordo com o CREA-PE, 85% das pessoas que reformaram ou construíram casas não buscaram assistência técnica de arquitetos e engenheiros.

As comunidades escolhidas no Recife foram a do entorno da UPE (Santo Amaro), a ribeirinha no bairro do Coqueiral, a da Vila Independência (Brejo de Beberibe) e as localizadas na Campina do Barreto e Alto José do Pinho.

As bolsas serão pagas pelo CREA-PE, que vai articular junto com a UPE a participação de empreiteiras para doação de material e mão de obra para execução das atividades.

O acordo de Assistência Técnica em Habitação de Interesse Social (ATHIS) terá como responsáveis a professora Rafaela Campos Cavalcanti (UPE) e o engenheiro Stênio de Coura Cuentro (CREA-PE).